O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) alerta para riscos de tempestade e queda de granizo em 38 cidades de Mato Grosso do Sul nesta quarta-feira. As cidades situadas na região sudoeste do Estado (Bolsão), onde estão as divisas com Paraná e São Paulo, apresenta mais riscos às chuvas intensas.

Além de Campo Grande, o alerta é direcionado para outras 38 cidades do Estado. São elas: Amambai, Angélica, Antônio João, Aral Moreira, Bataguassu, Batayporã, Caarapó, Coronel Sapucaia, Deodápolis, Douradina, Dourados, Eldorado, Fátima Do Sul, Glória De Dourados, Iguatemi, Itaporã, Itaquiraí, Ivinhema, Japorã, Jateí, Juti, Laguna Carapã, Maracaju, Mundo Novo, Naviraí, Nova Alvorada Do Sul, Nova Andradina, Novo Horizonte Do Sul, Paranhos, Ponta Porã, Ribas Do Rio Pardo, Rio Brilhante, Sete Quedas, Tacuru, Taquarussu e Vicentina.

De acordo com o instituto, as tempestades devem varias entre 30 mm e 60 mm por hora ou de ou 50 mm e 100 mm por dia. Os ventos também deverão ser intensos, com velocidade entre 60 e 100 km/h, além de queda de granizo. Também há risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores e de alagamentos.

O Inmet orienta, ainda, em caso de tempestades com rajadas de ventos, que as pessoas evitem buscar abrigo sob árvores, devido ao risco de queda e descargas elétricas. Não se deve estacionar veículos veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda. A sugestão também é para desligar aparelhos elétricos e quadros gerais de energia.