Odilon e PDT apoiarão Haddad no segundo turno

09/10/2018 21h25 - Atualizado em 09/10/2018 21h25

'Ele não', afirma Ciro Gomes ao ser questionado sobre apoio no segundo turno

Candidato a presidente pelo PDT perdeu pela terceira vez uma eleição presidencial que em seguida segue de apoio ao segundo turno no PT Haddad.

Ciro Gomes terminou o primeiro turno em terceiro lugar, com mais de 13 milhões de votos, menos da metade dos mais de 30 milhões de Fernando Haddad (PT), segundo colocado – Bolsonaro teve quase 50 milhões.

Lideranças e a militância do PDT de Mato Grosso do Sul fez até festa para receber o candidato que ja perdeu as eleiçoes para presidente da República, Ciro Gomes, que esteve no estado para participar de ato político e dar apoio à candidatura do juiz Odilon de Oliveira ao governo de Mato Grosso do Sul.

Odilon, agora diz que espera apoio de Bolsonaro para tentar pegar impulso na onda Bolsonaro que o mesmo não tem apoio nenhum, além do PT.

 

Azambuja vence em 66 cidades e Odilon é votado em 5 apenas, Reinaldo ganhou na Capital e juiz do PDT levou vantagem em Dourados e Três Lagoas